X
Assinatura de Newsletter

DICAS PARA CRIAR O VALIOSO CONTEúDO RáPIDO

Quarto artigo da série 'O Conteúdo que te Faz Vender Todos os Dias'.

Nesse artigo vamos abordar a necessidade de se criar artigos de leitura rápida, que passe idéias precisas e diretas, sem enrolação para conquistar seu público logo nas primeiras linhas do artigo.

Em todas as novidades da era da informação digital é a necessidade de leitura rápida que mais causa dificuldades de adaptação aos criadores de conteúdo.

Hoje, um artigo muito longo, com parágrafos muito extensos e frases interrompidas diversas vezes, dificilmente alcança um grande público.

Isso porque nas redes sociais o rolar do feed é rápido, e as ideias precisam ser igualmente objetivas.

Afinal de contas, ninguém demora muito tempo lendo um texto e se o artigo parecer longo demais a um primeiro olhar, ele pode ser abandonado ali mesmo. Antes do segundo parágrafo.

Mas não se preocupe, os produtores de conteúdo para web têm desenvolvido estratégias para driblar o olhar apressado do usuário facilitando a leitura dos artigos do seu site, sem perder conteúdo.

Proporcionando assim uma experiência mais agradável ao leitor e com isso obtendo muito mais chances de compartilhamento.

 

Algumas formas de otimização do conteúdo para facilitação da leitura são:

         Utilização de listas

Usar listas ao longo do texto faz com que o usuário consiga visualizar melhor as informações, além de contar, é claro, com o “fator de conclusão”.

Afinal quem lê o primeiro item de uma lista, dificilmente ignorará os itens restantes e assim há mais chances de que o seu artigo seja lido até o final.

         Aplicação de efeitos itálico ou negrito.

 Usar itálico ou negrito para destaque de informações importantes mostra ao usuário que o artigo de fato trata do assunto que o trouxe até ali e que a informação não demorará a chegar. Esta maneira de “acalmar ” o visitante torna o texto mais fluido.

         Subtítulos.

Subtítulos “quebram ” o texto e segmentam as abordagens de modo que fica mais fácil encontrar os tópicos, além de melhorarem o ranqueamento do site no Google, uma vez que essa estratégia permite a utilização das palavras chaves nos subtítulos.

         Parágrafos curtos/ palavras simples.

 Transmitir conceitos em poucas linhas é importante para garantir que o texto seja lido na íntegra e para isso, também prefira usar palavras de fácil entendimento.

 O português rebuscado pode dar a impressão de um texto mais bem escrito, mas na  realidade frequentemente esse tipo de escrita afasta o leitor.

         Frases objetivas.

Quebrar frases para fazer observações usando virgulas e mais vírgulas pode deixar o seu conteúdo confuso.

Ao invés disso opte por usar um ponto final e acrescentar a nova ideia numa frase seguinte. O ideal é que, num artigo otimizado em SEO, cada frase não ultrapasse a quantidade de vinte palavras.

         Texto em F

E de nada adianta criar um artigo completo se ele não for lido até o final. Por isso dê ao leitor a ideia de que o texto se afunila e crie artigos em forma de F, isto é, na ordem: Título-texto-subtítulo- texto de conclusão. Isso torna o conteúdo mais fácil de escanear com o olhar e dessa forma é mais provável que ele seja lido e compartilhado.

         Revise seu texto

Se não puder pedir para alguém que leia o seu texto, faça a leitura você mesmo e em voz alta, dessa forma, fica muito mais fácil prender a atenção em cada palavra e encontrar possíveis erros.

Reler o seu trabalho em outro dia também é uma forma interessante de driblar o cansaço e assim notar trechos confusos que podem ser cortados ou editados.

         Sempre use um CTA

Não se esqueça de acrescentar ao final do seu artigo um CTA  (call to action), que nada mais é do que uma chamada à ação.

 Algo como “leia mais no site...” ou “siga-nos nas redes sociais”.  O CTA é um convite simpático para que o leitor interaja com o seu site e assim avance no funil de vendas.

O combate à Fake News. 

Um ponto essencial para criar conteúdo relevante e assim ranquear bem e gerar autoridade é, claro, a veracidade.

Pode parecer básico, mas a fase de pesquisa na hora de criar conteúdo para sites tem sido muito ignorada, de forma que para lidar com isso, algumas das plataformas de redes sociais como o Facebook  e o Twitter estão investigando e punindo as fontes de “fake news” com bloqueios de suas contas e até o cancelamento das maiores páginas divulgadoras de conteúdo duvidoso.

Portanto, todo o cuidado é pouco na hora de realizar as pesquisas para criar o seu conteúdo. O melhor mesmo é buscar conhecimento em sites especializados, e obter as notícias direto da fonte.

Isso não quer dizer que seja necessário ir fisicamente aos locais, mas sim, que deve-se ter um pouco mais de cautela na hora de checar os dados.

A seguir veja algumas dicas de como verificar se uma informação é mesmo verdadeira antes de reproduzi-la no seu site:

         Acesse os maiores sites de notícias.

 Pesquise as notícias em links reconhecidos como por exemplo a revista Exame, CNN, o Le Monde, Época, BBC, N.Y. Times e etc.

         Utilize a ferramenta Google alerts.

O Google alerts pode avisar você sempre que uma notícia sobre o tema escolhido for divulgada.

Para que isso aconteça, basta acessar o endereço google.com/alerts e configurar o alerta de notícias sobre o tema desejado, dessa forma fica mais fácil alimentar o seu site com conteúdo inédito e relevante para o momento.

         Faça uma busca ampla sobre o tema.

Antes de postar sobre determinado conteúdo, faça a busca sobre as palavras chaves utilizadas e entenda o que as pessoas estão comentando a respeito do assunto. Dessa forma fica mais fácil oferecer artigos e vídeos que interessem realmente ao usuário.

         Assista a vídeos de especialistas famosos.

Busque conhecimento sobre os assuntos direto dos canais dos maiores especialistas sobre o tema, mas veja bem, copiar o conteúdo deles pode ser um erro grave e o Google também pune artigos duplicados, por isso, cuide para transmitir o conhecimento adquirido, sem usurpar os créditos dos seus criadores. 

Conteúdo dura pouco?  Qual a vida útil do seu conteúdo?

Entre todas as vantagens do inbound marketing talvez a mais atraente seja a validade desses conteúdos.

Afinal de contas, a informação digital é atemporal e como se pode imaginar um conteúdo pode trabalhar em favor de uma causa ou empresa mesmo muito tempo depois de ter sido registrada em vídeo ou texto.

Mas veja bem, também há técnicas específicas para permitir que isso aconteça, uma delas, por exemplo é: Abordar conhecimentos de maneira o mais aprofundada possível, fazendo do seu artigo ou vídeo uma referencia para outros estudos relacionados ao tema.

Quanto mais aprofundado o seu texto ou vídeo, mais útil ele será e permanecerá assim até que haja necessidade de atualizações das informações abordadas.

Dicas extras para o sucesso do seu marketing de conteúdo.

Outro ponto importante para garantir o alcance das suas publicações é estudar os melhores horários para o tráfego.

Quanto o assunto é alcance, há um momento ideal para cada tipo de postagem, por isso fique atento aos horários em que se pode alcançar um número mais elevado de pessoas em cada uma das principais redes sociais:    

Para postar seu conteúdo no Facebook o melhor horário é entre as 13:00 e as 17:00 lembrando que há uma maior concentração de pessoas nos dias de semana com pico sempre ás quartas-feiras.

Mas no Facebook o empreendedor também consegue saber exatamente quais são os horários, fluxo e preferências dos seguidores da sua página através de dados e gráficos disponibilizados exclusivos, estudados especificamente para o seu público na própria ferramenta de gestão, especificada pelos ícones “Gráficos”.

Para postagens no Twitter é sempre importante respeitar o maior horário de concentração de pessoas nessa rede social, que se estende das 13:00 ás 15:00 horas. NO Twitter quem fala menos é mais ouvido, por isso, economize nas palavras.

Instagram

Use o “iconosquare” no Instagram, para saber mais sobre visualização e engajamento dos usuários no seu perfil, e fique atento ao melhor horário para as postagens nessa plataforma, que dura pouco, entre as 17:00 e 18:00 horas, mas consegue abranger um público bastante propenso a realizar compras em perfis onde se sintam seguros. As vendas através dessa plataforma são as que mais cresceram nos últimos meses.

Para o Google+ os horários de maior alcance no Google + são sempre na parte da manhã, entre as 09:00  e as 11:00  durante todos os dias da semana, quando o tráfego é significativamente maior.

Evite realizar postagens de artigos no início da noite, quando há uma baixa drástica nas visualizações do Google +.

Quer saber mais sobre inbound marketing e estratégias para potencializar o seu ranqueamento?

Então fique sempre atento à nossa plataforma e siga as nossas atualizações.







Deixe seu comentário

 
117 Projetos Concluidos
36 Clientes Felizes
8265 Xícaras de Café
312 Reuniões Produtivas
Faça com que sua empresa seja vista

Conte conosco para fazer suas vendas decolarem!

Cadastre seu email e receba um conteúdo rico para te ajudar a decolar!

 
 
FbeSeen no acebook beSeen no Twitter beSeen no Google Plus beSeen no YouTube beSeen no Instagram
© 2019 - beSeen - Agência Digital
Avenida Presidente Vargas, 824, 17º Andar - Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP 20071-001 Telefone: (21) 2184-7301, WhatsApp: (21) 7110-7027
WhatsApp - beSeen